TJRO descarta remoções obrigatórias na instalação das centrais de processos eletrônicos nas comarcas do interior

0

Em reunião realizada na última semana no Tribunal de Justiça, o Desembargador Walter Waltenberg garantiu à presidente do Sinjur, Gislaine Caldeira, que o projeto de modernização da Justiça e extinção dos cartórios não implicará em remoção de servidores das comarcas onde estão lotados atualmente. Isto porque, segundo o Magistrado, a solução passará pela descentralização das unidades que irão concentrar os processos eletrônicos no interior do Estado.

A resposta do Presidente do TJRO se deu em atenção a pedido elaborado pelo Sinjur no sentido de que um projeto com remoção de servidores há de ser reavaliado, em vista das enormes dificuldades e transtornos não só aos trabalhadores, mas também a seus familiares.

O Presidente não só externou sensibilidade a essa questão, como também reforçou a disposição em manter diálogo constante com os representantes da categoria.