Oficial de Justiça é fundamental à prestação jurisdicional

0

A Diretoria do Sinjur parabeniza todos os Oficiais de Justiça pela passagem do seu dia, neste 25 de março. A data, instituída no dia 4 de agosto de 2015, pela Lei nº 13.157, é uma das mais importantes para o Poder Judiciário, uma vez que, na opinião do presidente Francisco Roque, homenageia um profissional que é peça fundamental à prestação jurisdicional.

A função de Oficial de Justiça tem origem Bíblica “No Livro de São Mateus, Capítulo 05, Versículo 25” tem citação acerca do Oficial. O Oficial de Justiça é o trabalhador do Poder Judiciário que atua como longa manus dos magistrados, fazendo cumprir os atos determinados pelo Poder Judiciário.

Segundo Roque, dotado de fé pública, o Oficial de Justiça, com a sua atuação, materializa a aplicação da lei ao caso concreto, sendo essencial à justiça. “De nada adiantariam as decisões judiciais se não existisse quem as fizesse cumprir”, avalia Roque.

Referindo-se ao exercício da profissão, Roque explica que o mister do Oficial de Justiça é árduo e, por muitas vezes, o põe em situações de constante tensão, sem saber com quem e qual a índole das pessoas que cruzarão no dia a dia. “São profissionais dotados de coragem, determinação e competência, que em suas idas e vindas, são obrigados a seguir por regiões distantes, muitas vezes violentas e isoladas”.

“É por esse e outros motivos que a diretoria do Sinjur se congratula junto a esses exímios profissionais e os parabeniza pela passagem desse dia”, diz Roque falando aos Oficiais de Justiça.