Sinjur vence ação de execução; acordo com escritório gera mais economia à entidade

0

O autor da ação desistiu de seguir com o processo e foi determinado seu arquivamento

 

O processo de execução (autos de n.7043944-48.2017.822.0001) foi movido por um escritório de advocacia que foi contratado pelo Sinjur em 2016, também no processo das Horas Extras, foi arquivado devido à desistência do autor. Ele pedia a execução de suposta dívida no valor de mais 9 milhões de reais.

Além do fim da possibilidade de cobrança de uma dívida de mais de 9 milhões de reais, a outra boa notícia é que o escritório DPLaw, após intensa negociação, aceitou reduzir o valor fixado a título de honorários, cerca de R$ 100.000, para RS 20.000, ou seja, uma economia de 80% do que seria devida ao conceituado escritório.