EXEMPLO DE SUPERAÇÃO – Marcos Vinícius Barros vence a covid e família e amigos comemoram

0

Após passar 20 dias internado no Hospital 9 de Julho, em Porto Velho, acometido pela covid-19, e ficar na fila esperando leito de UTI, sem conseguir, o servidor Marcos Vinícius Sousa Barros, lotado na STIC – Secretaria de Tecnologia de Informação e Comunicação-TJ/RO, tem motivo de sobra para comemorar a vida.

Depois de demonstrar uma fortaleza interior admirável e vencer a doença, ele teve alta na manhã desta sexta-feira, 26 e já retornou para o aconchego de seu lar.

Vinicius sentiu os primeiros sintomas do vírus letal no início do mês e, na sequência, seu quadro agravou-se e ele chegou a ter 90% dos pulmões comprometidos.

Na manhã de hoje, quando deixou o hospital, saiu sob aplausos dos funcionários e foi recebido pela presidente do Sinjur Gislaine Caldeira e pela diretora-sócio assistencial, Orquídeia Monteiro de Souza, que comemoram sua vitória.

Marcos se lembrou dos dias de angústia e incerteza que viveu durante a internação e escreveu:

“No tempo mais difícil da minha vida, percebi a presença de um Deus que não posso ver, mas sentir na presença constante de orações e na torcida da família, parentes, conhecidos e amigos.

Foram dias muito difíceis em que mãos amigas “desataram os nós” como se tudo estivesse predestinado.

A minha família (esposa, filho e filha), às irmãs e familiares (Barros, Oliveira e Pereira), a família da minha esposa (Pedrosa), aos amigos e amigas que acolheram minha família com um cuidado fraternal (Renata Idalgo e Família e Tarik Kamel e Família), aos amigos do Sinjur, Assistente Social da Divisão de Saúde do TJRO (Daniele) e todos os amigos, conhecidos e envolvidos na corrente de oração…. a palavra é GRATIDÃO.

Gratidão pela empatia, pela solidariedade, pelo carinho, pela amizade e pelo amor. Não me lembro de ser merecedor de tantas bênçãos.

Sair de um quadro gravíssimo com 90% dos pulmões comprometidos, é assustador, porque não foi por acaso, não foi por sorte, e não foi à toa.

É inquietante e só me faz lembrar das últimas palavras do médico. “Sou apenas um instrumento nas mãos de Deus”!

Aos Doutores: Pedromar Melo, Marco Túlio, Francisco Frota Júnior, Agenor Moura Gomes Júnior, Andréia Barbieri, Denise Kamel, aos Fisioterapeutas e a todos os profissionais da enfermagem do Hospital 9 de Julho, especialmente à Yasmyn da Silva Bastos, ..Gratidão…Gratidão….Gratidão.

Marcos Vinicius Sousa Barros.