Servidor pode participar: CNJ direciona esforço para implementar política nacional de priorização

0

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) instituiu grupo de trabalho para elaborar estudos e formular propostas para a implementação de política nacional voltada à priorização do primeiro grau de jurisdição dos tribunais brasileiros.

 

A medida foi anunciada no último dia 06/09 nos termos da portaria 155 do CNJ.

 

Segundo afirma o CNJ, o grupo de trabalho atuará em permanente interação com a Secretaria-Geral, poderá solicitar apoio técnico e operacional das unidades administrativa, bem como requerer à presidência a participação de colaboradores eventuais.

 

O grupo de trabalho terá o prazo de 30 dias, prorrogáveis por mais 15, para apresentar os resultados ao presidente do CNJ.

 

Até o dia 25, a Federação Nacional dos Trabalhadores em Tribunais Estaduais (Fenajud) receberá propostas e boas práticas que possam contribuir para o trabalho a ser desenvolvido, segundo informou Valter Assis Macedo, presidente da Fenajud.

 

Para mais informações, o servidor pode acessar o site: http://www.cnj.jus.br/atos-administrativos/atos-da-presidencia/portarias-presidencia/26248-portaria-n-155-de-6-de-setembro-de-2013

 

Clique abaixo e veja o ofício enviado pelo CNJ à FENAJUD

https://docs.google.com/file/d/0B9XfNdMGSZBrR1F0N1hFTmQyVW8/edit?usp=sharing

 

 

 

 

 

Diretoria de Imprensa e Comunicação